CAPSULITE ADESIVA

(Ombro Congelado)

Ombro congelado, também chamado de capsulite adesiva, causa dor e rigidez no ombro. Com o tempo, o ombro se torna muito difícil de mover.


Após um período de agravamento dos sintomas, o ombro congelado tende a melhorar, embora a recuperação total possa levar alguns anos. Fisioterapia, com foco na flexibilidade do ombro, pode ser uma recomendação de tratamento para o ombro congelado.


Pessoas com diabetes, uso de determinadas medicações, após procedimentos cirúrgicos ou eventos traumáticos no braço estão em maior risco de desenvolver capsulite adesiva.

No ombro congelado, a cápsula do ombro (que mantém o líquido sinovial que lubrifica a articulação) se torna espessa e rígida. Bandas grossas de tecido - chamadas adesões - se desenvolvem. 


Os sinais característicos desta condição são dor severa e incapacidade de mover o ombro - seja por conta própria ou com a ajuda de outra pessoa. 

 


Causas


As causas do ombro congelado não são totalmente compreendidas, mas sabe-se que alguns fatores podem colocá-lo mais em risco de desenvolver o ombro congelado:

 

  • Diabetes. O ombro congelado ocorre com muito mais frequência em pessoas com diabetes. A razão para isso é desconhecida. Além disso, pacientes diabéticos com ombro congelado tendem a ter um grau maior de rigidez que continua por mais tempo antes do "descongelamento"

  • Outras doenças. Alguns problemas médicos adicionais associados ao ombro congelado incluem hipotireoidismo, hipertireoidismo, doença de Parkinson e doença cardíaca.

  • Imobilização. O ombro congelado pode se desenvolver após um ombro ter sido imobilizado por um período de tempo devido a uma cirurgia, uma fratura ou outra lesão. Fazer os pacientes moverem os ombros logo após a lesão ou a cirurgia é uma medida importante para prevenir o ombro congelado.

Tratamento


O foco do tratamento é controlar a dor e restaurar o movimento e a força através de bloqueios nervosos (injeções analgésicas em pontos específicos), medicamentos, injeções de esteroides e fisioterapia, com exercícios específicos de alongamento para o ombro para ajudar a restaurar o movimento. 


A cirurgia para ombro congelado normalmente não é necessária, a não ser que a causa da doença tenha sido identificada e essa sim precise ser operada. O objetivo da cirurgia é liberar a cápsula articular endurecida. Os métodos mais comuns incluem manipulação sob anestesia e artroscopia do ombro.

Agende uma consulta com Dr. Caio Zamboni, ortopedista especialista em ombro e cotovelo.

Consulta Particular (Reembolso)

__

Prof. Dr. Caio Zamboni

Médico Ortopedista e Cirurgião

Especialista em Ombro e Cotovelo

CRM 105.452

Graduado em Medicina na Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo em 2001

Mestrado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo em 2014

Doutorado em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Professor Instrutor da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo

Coordenador do Programa de Residencia Medica do Departamento de Ortopedia da Santa Casa de São Paulo

Faculty Nacional do Grupo AO Trauma Brasil desde 2015

Chefe de plantão e Assistente do Grupo de Cirurgia do Trauma Ortopédico da Santa Casa de SP desde 2009

Examinador da prova de Título de Especialista em Ortopedia e Traumatologia (TEOT) desde 2010

Membro da Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia 

Membro da Sociedade Brasileira de Trauma Ortopédico

Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia do Ombro e Cotovelo

Membro do Comitê de Doenças Osteometabólicas da SBOT (Osteoporose)

CONSULTA PARTICULAR:

ZAMBONI, BERSANI & IJICHI

Especialistas Médicos

Auxiliamos na solicitação de reembolso junto aos convênios

Atendimento de 2ª a 6ª das 8h às 20h

11 3213-8620  

11 3213-8640  

11 94523-3545

PARA CHEGAR:

 

Edifício Praça Pamplona

Rua Pamplona 145

Conj. 807 I São Paulo-SP

ver mapa

Fique atento à entrada do estacionamento!

É antes da entrada de pedestres.

Entrada também pela Rua Sílvia, 210

Entrada de pedestre.jpg
Estacionamento.jpg

CONTATO POR EMAIL:

Boas relações nos fortalecem

Resp. Técn. Dr. Caio Zamboni  CRM 105.452

2018 Desenvolvido por Consutti

FALE CONOSCO